(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Plataforma educacional estimula protagonismo infantil

seja o primeiro a comentar
Publicado em Cultura Digital
12dez

Projeto já transformou mais de 800 mil crianças em autores de seus próprios livros

Flavia Perez.
Foto Capa: Estudante do Centro Educacional Recriando, no Rio de Janeiro, mostra livro escrito por ele. Divulgação/Estante Mágica.

Despertar o interesse pela leitura e pela escrita é essencial, mas como fazer? Esse desafio motivou os criadores da plataforma educacional Estante Mágica a buscar soluções que permitissem desenvolver as habilidades de letramento das crianças. Com mais de dez anos de trajetória, o projeto já transformou mais de 800 mil crianças em autores de seus próprios livros em mais de 4 mil escolas públicas e privadas em todo o Brasil, e em outros países, como Colômbia, Argentina, México e Chile.

Diante da pandemia da Covid-19 e dos desafios da educação remota, o grupo de professores que integra a equipe desenvolvedora dos projetos pedagógicos da plataforma percebeu a necessidade de inovar. Um dos recursos lançados neste ano busca auxiliar professores para a criação das aulas no ambiente digital e também no processo de produção dos livros, entre outras possibilidades. Os conteúdos são gratuitos e estão disponíveis na plataforma.

De acordo com Jayse Ferreira, professor de Artes Visuais que integra o time de educadores da Estante Mágica, ao lado da alfabetizadora Mara Mansani e do diretor de Educação Willman Costa, “nosso objetivo enquanto educadores é compartilhar de forma clara e didática as melhores formas de otimizar o processo de aprendizagem, buscando estimular o protagonismo do aluno em cada ferramenta desenvolvida. Dividir as práticas que estão funcionando em sala de aula é como multiplicar o conhecimento adquirido”, aponta.

Acreditar no potencial transformador da educação foi e continua sendo a mola propulsora da dupla de advogados formada por Robson Melo e Pedro Concy, fundadores da Estante Mágica, criada em 2009. Após testarem diferentes ferramentas pedagógicas, eles encontraram no protagonismo o caminho para conduzir novos leitores e escritores à descoberta do universo literário.

O estudante, ao tornar-se autor de seu próprio livro, desenvolve um olhar mais interessado pela leitura, criando um hábito. Além disso, o ato de compor um livro propicia a autoestima e o potencial cognitivo e criativo das crianças, desenvolvendo competências socioemocionais e proporcionando autonomia para que elas escrevam suas próprias histórias. A meta é que, até 2030, um bilhão de crianças tenham escrito seus livros.

Divulgação/Estante Mágica.

Para criar os livros
O processo de inscrição para criação dos livros é simples. A escola (da educação Infantil e ensino fundamental I) se cadastra na plataforma, inscreve a proposta de conteúdo que quer adotar e, a partir daí, cada aluno cria sua própria história, com textos e desenhos.

Em seguida, os conteúdos e ilustrações são enviados pela plataforma, que edita o material e cria um e-book digital, distribuído gratuitamente. Professores e pais acompanham todo o processo de confecção do livro, acessando a plataforma pela internet.

A versão impressa pode ser encomendada, quando há interesse dos familiares e amigos, por um custo que varia entre R$ 39 e R$ 59 (dependendo do acabamento), forma como a empresa gera receita para viabilizar os projetos.

De acordo com pais e educadores, a oportunidade de escrever a própria história motiva a criança a ir a bibliotecas com maior frequência. Além disso, as crianças começam a pedir livros de presente aos familiares, despertando a descoberta de novos títulos e a leitura compartilhada no ambiente familiar.

Novos recursos
O Mural Mágico é um novo espaço da plataforma dedicado ao professor que pode ser acessado remotamente por qualquer dispositivo. Nele, é possível inserir (sem nenhum custo) conteúdos como aulas, bibliografias, entre outras possibilidades, permitindo que o educador possa organizar de várias formas, inclusive por data, os registros por turma e reúna em um único lugar as atividades realizadas com seus alunos. Para criar seu mural, basta acessar o link.

Entre os recursos, lançados neste ano, estão também a Estante TV, que disponibiliza cursos de formação e videoaulas, além da indicação de materiais complementares à sala de aula para apoio pedagógico e capacitação contínua dos gestores escolares, e o Magic Play, um aplicativo gratuito que permite ao aluno escanear textos e desenhos criados e enviar para a plataforma pelo próprio celular para a produção dos livros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *