(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Biomas brasileiros: conheça

1 comentário
20mar

Quem quer conhecer  melhor os biomas brasileiros, refletir criticamente sobre a situação atual em que se encontram e repensar o Brasil a partir deles, não pode deixar de ler o livro Biomas do Brasil: da exploração à convivência, de Ivo Poleto. A versão digital, gratuita, acaba de ser lançada. De acordo com Poleto, o objetivo da publicação é criar oportunidade para que mais pessoas possam conhecer melhor o Brasil, e conhecê-lo a partir da história da Terra.

“Os primeiros seres humanos que chegaram aqui já encontraram diferentes “jardins” em que podiam viver. Quem os criou foi a mãe Terra, com a presença do Espírito criador, e não os seres humanos. O que estes fizeram em cada “jardim” é o conteúdo da história humana, com suas engenhosidades e contradições. Como verão na leitura do livro Biomas do Brasil: da exploração à convivência, a melhor tradução popular do substantivo bioma é berço de vida. E o território brasileiro foi contemplado com  diferentes berços de vida”, destaca Poleto.

Para o escritor,  a proposta do livro é que ele seja pensado, ou repensado, a partir dos diferentes biomas, a partir das diferentes histórias humanas nos sete biomas que constituem o seu território: Caatinga, Cerrado, Amazônia, Pantanal, Mata Atlântica, Pampa e Zona Costeira. “Esse é, evidentemente, um imenso desafio, já que todas as pessoas foram educadas a partir da ilusão de que essas diferenças não existem, não são importantes. Ao encarar o caminho contrário a essa visão será possível dar-se conta das violências que os seres humanos fizeram aos diferentes berços de vida por não levarem a sério suas especificidades, potencialidades e fragilidades”, enfatiza Poleto na introdução da obra.

Acesse aqui o pdf gratuito da obra

Um comentário sobre... “Biomas brasileiros: conheça

  1. Parabéns ao escritor Ivo Poletto pela obra ” Biomas do Brasil da exploração à convivência” . Que trabalho interessante um resgata da importância de nossa Terra. Nobre a ideia de permitir aceso gratuito. Desejo que muitos se interessem pela leitura. Sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *