(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Cinema infantil: contemplados

seja o primeiro a comentar
Publicado em Destaques, Matérias
05maio

Informações do Cinema Infantil

Saiu a relação dos filmes selecionados para a 14ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis, que acontece de 5 a 14 de junho deste ano. Dos 172 concorrentes, 51 foram escolhidos pela equipe de curadoria – um número recorde de inscritos na história do festival. São Paulo lidera a lista com 12 produções, em seguida vem o Rio de Janeiro com 8, Paraná e Santa Catarina com 6, Minas Gerais com 5 e Rio Grande do Sul com 4.

A diversidade temática dos selecionados surpreendeu este ano. O conjunto de filmes retrata a cultura brasileira por meio do olhar do protagonista infantil com personagens provenientes de classe social e étnica distintas. Quase sempre menos predominante na produção para a infância, as ficções realizadas com atores atualmente está se equiparando com as animações.

Em parceria com a TV Brasil, a mostra vai oferecer quatro prêmios aquisição nas categorias: Melhor Ficção, Melhor Animação e Melhor Série, escolhidos pelo Júri Oficial; e Prêmio Especial das Crianças, votado pelo público infantil. Cada um dos premiados recebe troféu e o Prêmio Aquisição no valor de R$ 5 mil da TV Brasil.

Embora o número de inscritos seja recorde em 2015, a equipe de curadoria selecionou menos filmes para a programação, com um critério ainda mais rigoroso. Foram 64 títulos em 2014 contra 51 neste ano. Para a diretora Luiza Lins, cada vez mais a produção para as crianças consegue mostrar a diversidade cultural do Brasil, o “que é muito importante, pois permite que a criança brasileira se veja na tela, aumentando a sua autoestima e permitindo que ela conheça todas as identidades nacionais”.

Melina Curi, coordenadora de curadoria e programação, considera que a qualidade cada vez mais acentuada é provocada pelo crescimento da produção, que se deve a editais e lei de incentivos, tanto federais, estaduais como municipais, mas também pelo aumento de produções e iniciativas independentes.

Veja a lista completa a seguir.
– 3 temas para 60 janelas (de Jackson Abacatu, animação, MG, 2014, HD, 5’)
– Abraço de urso (de Almir Correia, animação, PR, 2015, HD, 6’)
-A mesma velha Estória (de Ramon Faria, animação, MG, 2012, HD, 3’)
-Ana e a borboleta (de Isabela Veiga, animação, GO, 2015, HD, 8’)
-Aniz, a bruxinha aprendiz (de Guilherme Araújo, animação, GO, 2014, HD, 7’)
-Antes que seja tarde (de Alexandre Dubiela, animação, MG, 2014, HD, 2’)
-Aprender fazendo arte: metamorfose da borboleta (de Thayssa Telles e Noni Geiger, animação, RJ, 2013, HD, 1’)
-As aventuras de Edu e Cazé (de Bruno Medaber e Hugo Benchimol, animação, RJ, 2013, HD, 2’)
-As aventuras de Minuano Kid (de Pedro Antoniutti e Edison Rodrigues, ficção, RS, 2014, HD, 10’)
-As aventuras de Poti & Anda Luz – Construindo um avião (de Valu Vasconcelos, animação, RJ, 2014, HD, 7’)
-Às dez (de Diego Velasco, animação, SP, 2014, DV, 3’)
-A visita (de Leandro Corinto, ficção, RJ, 2014, HD, 8’)
-Azul da cor do mar (de Pedro Mendes, ficção, SP, 2014, HD, 14’)
-Bravura (de Giovanni Girardi e Flavio Tavares, animação, SC, 2014, HD, 4’)
-Cadente (de Diego Lopes e Claudio Bitencourt, ficção, PR, 2015, HD, 16’)
-Carrapatos e catapultas – Cinema 4D demais (de Almir Correia, animação, PR, 2013, HD, 12’)
-Clara e a lua (de Beatriz Hermanson Pomar, ficção, SP, 2014, HD, 18’)
-Coração azul (de Wellington Sari, ficção, PR, 2014, HD, 26’)
-Dalivincasso (de Marcelo Castro e Marlon Amorim Tenório, animação, SP/RJ, 2014, HD, 11’)
-Doc 143 (de Luiz Alberto Cassol, documentário, RS, 2014, HD, 7’)
-Drakkar (de Nina Tedesco e Giu Jorge, ficção, RJ, 2015, HD, 14’)
-Dream catchers (de Gabriel Freire, animação, SP, 2014, HD, 6’)
-Guida (de Rosana Urbes, animação, SP, 2014, HD, 12’)
-Hugo, o monstro (de Humberto Avelar, animação, RJ, 2014, HD, 4’)
-M.M. – A montanha do meio do mundo (de Olga Nenevê e Marlon de Toledo, animação, SC/PR, 2014, HD, 15’)
-Mãe d’água (de Lamonier Angelo, animação, BA, 2014, HD, 12’)
-Marina não vai à praia (de Cássio Pereira dos Santos, ficção, MG, 2014, HD, 17’)
-Menino da Gamboa (de Pedro Perazzo e Rodrigo Luna, ficção, BA, 2014, HD, 14’)
-Nham Nham – A criatura (de Lucas de Barros, ficção, SC, 2015, HD, 13’)
-No seu lugar (de Mariana Garotti, ficção, SP, 2014, HD, 16’)
-Nuvem (de Vanessa Sandre, ficção, SC, 2014, HD, 15’)
-O espantalho dedicado (de Carlos Avalone, animação, SP, 2014, HD, 3’)
-O filme de Carlinhos (de Henrique Filho, ficção, BA, 2014, HD, 20’)
-O mar de Teresa (de Dilea Frate, experimental, RJ, 2014, HD, 13’)
-O menino mutante (de Tiago Freitas, animação, DF, 2014, HD, 8’)
-Pepper (de Ana Alice Fleck, Jenyffer Medeiros, Sara Sena e Vitor Aydos, animação, SC, 2014, HD, 5’)
-PEREBA F.C. – Vai que é tua! (de Guto Bozzetti, animação, RS, 2013, HD, 9’)
-Plaquita – Carlos Gomes (de Vicentini Gomez, documentário, SP, 2014, 8’)
-Por onde saem os bebês? (de Fabiano Bomfim e Marcela Werkema, animação, MG, 2014, 4’)
-Por que a lua muda de fase? (de Bruno Fiasqui, animação, SP, 2014, HD, 4’)
-Procura-se (de Jéssica Lopes, ficção, SP, 2014, HD, 13’)
-Salu e o cavalo marinho (de Cecilia da Fonte, animação, PE, 2014, HD, 14’)
-São João (de Diego Akel, animação, CE, 2014, HD, 1’)
-Se não (de Moacy Freitas, ficção, AM, 2015, HD, 15’)
-Super Plunf (de Camila Kauling e Henrique Luiz P. Oliveira, animação, SC, 2014, HD, 9’)
-Teatro de sombras (de Andréia Kaláboa e Guto Pasko, ficção, PR, 2014, HD, 8’)
-Trique-trique (de Vicente Schereder, ficção, RS, 2014, HD, 14’)
-Tum tum – Som de batuque (de Bruno Martins, documentário, SP/BA, 2014, HD, 3’)-
-Vai que é tua Tafarinha (de George Augusto, ficção, AM, 2015, HD, 5’)
-Valentino (de Cassiana Maranha, ficção, PR, 2014, HD, 4’)
-Voa, João (de Humberto Avelar, animação, RJ, 2014, HD, 5’)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *