(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Game Criança Segura

seja o primeiro a comentar
10set

Por Luanna Tavares

Pais, responsáveis e professores: vocês já ouviram falar do jogo “Criança Segura”? Ele foi lançado, pela OSCIP Criança Segura, com o objetivo de disseminar a cultura de prevenção de acidentes de forma lúdica e prazerosa junto ao público infantil. O game, que conta com 10 atividades e é indicado para meninos e meninas com mais de seis anos de idade, apresenta situações nas quais as crianças aprendem a identificar os perigos em ambientes domésticos ou no trânsito, dando dicas de como evitar acidentes.

A iniciativa é bem-vinda, afinal, para quem não sabe, a principal causa de morte de crianças – de zero a 14 anos no Brasil – é por algum tipo de acidente em casa ou na rua, como atropelamento, afogamento e queimadora.  Todos os anos, mais de 4 mil crianças dessa faixa etária morrem e outras 122 mil são hospitalizadas. Os dados são da plataforma de dados do Ministério da Saúde, o Datasus.

Para jogar, basta acessar o site: http://criancasegura.org.br/game/.  O jogo já está disponível. Apresenta dez atividades/desafios.  Foi lançado no dia  30 de agosto, data em que se comemora o Dia Nacional da Prevenção de Acidentes.

Para entender mais sobre a proposta do game, a revistapontocom conversou com Carla Lerner, responsável pela área de mobilização da OSCIP Criança Segura e pelo desenvolvimento do game.

Acompanhe:

revistapontocom – Como surgiu a ideia de criar um jogo com intuito de ensinar e entreter as crianças ao mesmo tempo?
Carla Lerner – A partir da necessidade de termos uma ferramenta direcionada para o público infantil, de forma a ensinar os pequenos desde cedo identificarem e reconhecerem algumas situações de risco, o que pode contribuir na redução dos acidentes. No entanto, ainda entendemos que o adulto é o responsável pela segurança das crianças e o game vem como um complemento para a geração da autonomia e desenvolvimento de algumas noções de um comportamento seguro para a criança. Outro ponto é proporcionarmos aos nossos cursistas, que participam das nossas formações à distância, mais uma atividade para suas ações, que poderão ser utilizadas em sala de aula.

revistapontocom – Você acha que aprender brincando é mais fácil?
Carla Lerner – Sem dúvidas. Sabemos que a educação por meio do jogo e da descoberta resulta em uma real e significativa aprendizagem para a criança. O lúdico é sempre o melhor caminho para ensinarmos as crianças.

revistapontocom – Qual a importância desse game para a família toda?
Carla Lerner – Ensinar as crianças desde pequenas a cuidarem do seu próprio corpo e desenvolverem algumas noções de um comportamento seguro, o que tornará adultos mais conscientes em relação à segurança. Além do mais, o game pode ser utilizado pelas crianças acompanhadas pelo adulto, que ajudará a reforçar ainda mais os conhecimentos trabalhados nas atividades.

revistapontocom – Quais são as situações que as crianças vão encontrar no game?
Carla Lerner – Desde cenas no ambiente doméstico que apresentem algum tipo de risco, como queimaduras, intoxicações, afogamentos, quedas, sufocações etc, e também situações no trânsito. O retorno já é muito bom. Tivemos uma boa procura grande por parte da mídia e muitos elogios dos nossos parceiros e das pessoas que acompanham o nosso trabalho. O jogo pode ser vivenciado por meio do site. O aplicativo estará disponível gratuitamente a partir do início de outubro.

revistapontocom – O Criança Segura já pensa em novos projetos como este?
Carla Lerner –  Sim. A Criança Segura sempre está com um olhar voltado para novos projetos que envolvam a educação, pois acreditamos na tecnologia aliada a educação. Logo mais, teremos novidades para os familiares e responsáveis por crianças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *