(21) 2220-3300
New here? Register. ×

A importância das TICs na educação

80 comentários
  • marise
18maio

“Eles  [crianças e jovens] ‘vivem’ tecnologias e quem não vive sonha em viver. É o mundo deles. Isto é fato. Como ignorar este potencial? Como permanecer no cuspe e giz?”, Marise Brandão.

marise

Por Marcus Tavares

Marise Brandão é Orientadora Tecnológica Educacional do Governo do Estado do Rio de Janeiro. Até pouco tempo era professora de Atividades Integradas – Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Ciências e Artes – na Escola Estadual Dr. Álvaro Rocha, localizada no município de Barra do Piraí, no Estado do Rio de Janeiro. Quem a conhece pela primeira vez rende-se logo à sua simpatia. Mas, em seguida, impressiona-se com o seu trabalho de dedicação ao ensino e ao uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) na sala de aula.

Não é à toa que Marise, hoje, também atua como Orientadora Tecnológica do Governo do Estado do Rio de Janeiro. Capacidade reconhecida internacionalmente desde 2008, quando ela ganhou o título de Embaixadora da Microsoft e o prêmio Microsoft Educadores Inovadores – categoria Educador Inovador.

Leitora assídua da revistapontocom, Marise conversou com a equipe sobre o projeto, ações e sonhos.

Acompanhe:

revistapontocom – O que é ser um educador nos dias de hoje?
Marise Brandão
 – Hoje, ser educador exige muito mais do que ter somente conhecimento sobre sua área específica. É preciso ser um estimulador do prazer em construir o conhecimento. O educador tem que ensinar seus alunos a pensarem, a descobrirem, a desenvolverem suas competências e habilidades. O professor do século XXI é um estimulador, motivador no desenvolvimento de habilidades e  potencializador de competências nos alunos. Mas para isto, ele tem que quebrar os velhos paradigmas da escola tradicional, deixando de ser somente um transmissor de informações.

revistapontocom – Neste sentido, qual é o papel das tecnologias da comunicação no processo de ensino e aprendizagem das atuais gerações?
Marise Brandão
– Elas devem ser um dos instrumentos para a construção do conhecimento. No mundo de hoje, as tecnologias são indispensáveis na educação das crianças e dos adolescentes. Eles ‘vivem’ tecnologias e quem não vive sonha em viver. É o mundo deles. Isto é fato. Como ignorar este potencial? Como permanecer no cuspe e giz? Todo professor deveria assistir a este vídeo antes de se negar a usar as TICs com seus alunos.



revistapontocom – Há dois anos, você recebeu o prêmio Microsoft Educadores Inovadores, na categoria Educador Inovador. A premiação foi fruto do projeto o Vôo BPF Brasil, Portugal e França. Que projeto foi esse?
Marise Brandão
 – Utilizando como temática o centenário de Santos Dumont, o projeto teve o objetivo de criar uma comunidade de aprendizagem em rede, estabelecendo um intercâmbio com escolas do Brasil, Portugal e França. O projeto foi desenvolvido por quatro escolas, duas no Brasil, uma em Portugal e uma na França. Criamos uma aprendizagem em rede, onde os alunos se tornaram os autores, construindo o conhecimento de uma forma muito participativa e colaborativa. Partimos da leitura do livro de Claudio Fragata, Seis Tombos e um Pulinho, que fala sobre Santos Dumont. As atividades envolveram 115 alunos de seis turmas do Ensino Fundamental dos três países.

revistapontocom – O projeto foi inovador ao aliar as TICs e outras escolas de outros países?
Marise Brandão
– Acredito que o projeto foi bastante inovador porque ele foi ousado. Não foi um projeto de consumo de informações, mas de produção de conhecimento por meio da autoria do aluno. O projeto inovou por ultrapassar os muros da escola, tornando a aprendizagem mais flexível no tempo e no espaço e unindo dois continentes. O planejamento do trabalho começou com uma reunião inicial com os alunos, explicando a importância de eles estarem inseridos no projeto. Após uma pesquisa na internet para recolher material sobre Santos Dumont, foi criado o blog Vôo BPF com a finalidade de publicar os trabalhos, as imagens e a opinião dos envolvidos. Todas as atividades de realização dos trabalhos publicados no blog utilizaram tecnologia digital e informática que permitiram desenvolver nos alunos competências que levam à infoinclusão e literacia digital. Ao final das atividades, houve a realização de uma videoconferência envolvendo representantes do Brasil, Portugal e da França. O MSN Messenger foi o principal veículo de comunicação e troca de informações entre os professores.

revistapontocom – E quais foram os resultados?
Marise Brandão
– Bem, durante o desenvolvimento do projeto, fui chamada de muitas coisas, todos achavam que eu estava delirando, sonhando e que eu tinha perdido o rumo. Chamava meus colegas para participarem e eles me olhavam de modo estranho. Eu falava em videoconferência com Portugal, França. Falava em blog colaborativo, em webquests. Falava em crianças de uma escola estadual que nunca haviam tocado em computadores, crianças que estavam rotuladas, recuperando os conteúdos, e, agora, tendo prazer em estudar. Falava em apoio das famílias, enquanto sempre falavam na falta de apoio das famílias. Os resultados foram os melhores possíveis. Houve uma grande mudança de comportamento por parte dos alunos, aumentando o interesse pelos estudos, o desenvolvimento de competências e habilidades, elevando a auto-estima de todos os envolvidos. Acho que a maior conquista deste trabalho foi a verdadeira inclusão digital, que mudou a história de vida de vários alunos.

revistapontocom – E de lá para cá?
Marise Brandão
 – O trabalho com as TICs na sala de aula continua até hoje. A diferença é que a Microsoft me apóia atualmente. Ano passado, a Microsoft e a Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro me levaram a Washington para participar de um congresso, onde tive a alegria de ver o projeto valorizado e conhecer outros maravilhosos. Hoje, faço parte dos Educadores Inovadores em Rede da Microsoft. Estamos sempre juntos, seja presencialmente ou online, trocando experiências e fazendo reflexões. A Microsoft conseguiu unir todos os Educadores Inovadores do Brasil com os Professores Nota Dez de 2009, imagina no que isto vai dar. Principalmente em nosso estado, onde a Secretária de Educação e sua equipe acredita e apóia o uso das TICs para a evolução e revolução na educação.  Ainda estou à frente do portal www.webeducacional.com, onde professores e estudantes de vários estados do Brasil e de Portugal criam suas webquests, baixam softs, pesquisam e recebem informações e orientações. No ano passado, desenvolvi o projeto Reciclar é um Barato. O projeto promoveu o intercâmbio de profissionais do Brasil, Guatemala e EUA (http://reciclareumbarato.blogspot.com/).

80 thoughts on “A importância das TICs na educação

  1. parabéns professora! com a transmissão da informação ,na instrução de ambientes de aprendizagem , é onde o aluno realiza atividades e constrói o seu conhecimento.Com as TIC,s uma nova pratica de educação ocupa lugar de destaque na pedagogia,quebrando barreiras e limites.

  2. Tudo é mais fácil quando se tem recursos, se vire nos 30 em um interiorzinho e com multisseriado ,educação infantil.

  3. É muito importante a existência de espaço onde se possa discutir matérias importantes como essa entrevista sobre a inclusão das TICs na sala de aula, e promover debates nas redes sociais de forma que os particantes posam expor suas ideias e agregar conhecimentos que possam contribuir para sua prática pedagógica.

  4. Parabéns pela coragem e ousadia em inovar. Sonhar e pôr em prática é fator fundamental. Continue investindo em seus planos e projetos, que visam enriquecer o conhecimento de muitos, tenho certeza que serás muito abençoada por isso.

  5. Gostei do trabalho que você vem realizando, professora Marise Brandão, porque o Brasil precisa por demais de pessoas como você, com toda essa disponibilidade para levar a educação avante. Ter conhecimento das TIC s e indispensável para todo educador. Parabéns, professora, pelo seu desempenho.

  6. Achei extraordinário o Projeto, ainda mais que fala sobre o imortal Santos Dumont. Gênio brilhante, mestra brilhante. As TICs nas escolas hoje faz parte do cotidiano e do imaginário do aluno e não inserir conhecimentos voltados para este tipo de aprendizagem é ficar para tráz.
    Parabéns mestra Marise, você valoriza demais a educação.
    Abraços: Maria Inez

    1. Olá, Boa noite!!!

      Parabéns, Marise Brandão, fiquei bastante vislumbrada com a idéia que você teve de compartilhar seu projeto com outras nações, deve ter sido muito interessante o trabalho desenvolvido pelos alunos sob sua orientação.

  7. Parabéns, Marise Brandão, o Brasil está precisando de professores como você criativos, inovadores, visionário e que não tem medo nem preguiça de por em prática mesmo com os olhares de desconfiança dos colegas.

  8. Olá,Marise Brandão!
    Parabéns pelo seu belíssimo projeto! Com certeza, acreditar que como educador no século XXI poderemos continuar lecionando nos moldes tradicionais, com “cuspe e giz”, é no mínimo ingenuidade. O vídeo nos mostra a pura realidade dos jovens brasileiros. Mesmos os maiis carentes, os menos favorecidos fazem uso das Tics diariamente. Sou professora da Rede pública do Rio de Janeiro e leciono em dois colégios em bairro humilde da baixada fluminense. Ambos se localizam no alto do morro, numa região de difícil acesso. Os alunos dessas escolas são bem carentes, mas a maioria tem celular. Aproveitando a sala de multimeios de uma dessas escolas, criei um projeto em que pude compartilhar os trabalhos de meus alunos em blogs: (http://blogdaprofessorajaneadiasturma602.blogspot.com.br/search/label/F%C3%A1bulas%20-%202%C2%BA%20bimestre%20de%202011). Esse blog tem mais de trinta mil acessos. Atualmente, trabalho com o Ensino Médio e, observando o uso constante que os alunos fazem do Facebook, criei outro projeto utilizando essa Rede Social como mais uma ferramenta de ensino e aprendizagem. Formei um grupo separado para cada turma e nesses espaços disponibilizo para os alunos vídeos, links, fotos e sites referentes à matéria . Além disso, eles interagem continuamente, tiram dúvidas, ajudam um ao outro e, sobretudo, tornarm-se mais achegados a mim. Resultado muito positivo, pois os conhecendo melhor procuro ajudá-los ainda mais.

  9. Fiquei maravilhado com o seu trabalho, sou estudante do curso de Sistema da Informação na UNDB em São Luís do Maranhão, e estou desenvolvendo minha Monografia neste tema; “A importância das TIC’s na Educação”, queria parabenizá-la pelo trabalho que vem desenvolvendo, que considero de suma importância para o desenvolvimento do conhecimento. Gostaria de saber como a senhora poderia contribuir com meu trabalho monográfico. Que Deus abençoe sua vida e seus trabalhos, aguardo contato!

  10. Fiquei impressionada com um projeto tão ousado como este. Realmente, o nosso país precisa de educadores assim: ousados, que não tem medo de novos desafios. Certamente ele servirá de incentivo para que outros educadores também se engajem em projetos ousados como este. Parabéns, professora! Fiquei impactada com a leitura desta entrevista, ao ver a forma como você encara a educação. Espero conseguir inovar também a minha prática pedagógica.

  11. Olá mestra!!! Estava eu navegando como de praxe pela internet procurando ideias para o meu projeto envolvendo as tecnologias para uma escola pública daqui de Manaus-Am, quando me deparei com sua reportagem neste site, e ao ler fui ficando muito contente em saber que não estou navegando sozinha por estes mares da educação, pois professora Marise Brandão,nós professores deste país acabamos sendo muito abençoados, pq a esperança paira 24 horas em nossas vidas, este Brasil tão lindo merece sair em destaque neste campo tão necessário para o desenvolvimento de nossa nação, temos que fazer a diferença, inovar sempre e procurar estar conectados com os alunos dos “novos tempos ” , gostaria muito de poder trocar ideias contigo, pois estou fazendo meu primeiro projeto para colocar em prática ainda este ano de 2012 e ficaria muito grata com suas orientações e ajuda nesta área professora. Sem mais aguardo um contato. email cinder-31@hotmail.com

  12. Achei muito importante esse projeto , ta de parabéns Marise Brandão ,precisava de mas pessoas assim para expor esta visão de futuro que todos nós precisamos .

  13. São profissionais como Marise, que não nos deixam perder a capacidade de sonhar e criar novidades interessantes, quando outros nos julgam sonhadores, “inventores de moda” ou coisa semelhante. Acompanho a jornada dessa incrível profissional desde que fiquei sabendo que uma de nossas colegas da rede estadual de ensino do Rio de Janeiro apresentou um projeto inovador e ganhou o prêmio e incentivo da Microsoft.
    Parabéns Marise! Continue inovando, criando, produzindo conhecimento. Ainda precisamos aprender muito contigo.

  14. Realmente, não podemos mais ficar de fora ,vendo nossos filhos emaranhados nas redes sociais e muitas das vezes lhes pedindo para fazer isso ou aquilo na NET e nem pensar em romper paradigmas tolos que nos causam perdas irreparáveis relacionadas ao saber, a Prof Marise está com a bola Cheíssima, meus parabéns !!!

  15. Vocês não tem idéias de como os comentários de todos estão me fazendo bem hoje.
    Saber que tudo que passei e ainda passo, pois para nós educadores nada é fácil, que saio hoje da educação, mas que meu trabalho está servindo de exemplo para muitos, gente isto é bom demais!
    Obrigada por todas estas palavras carinhosas e que Deus ilumine o caminho de todos.
    bjs

  16. Professora Marise sua iniciativa é muito interessante, pois leva os alunos a produzirem seu próprio conhecimento e dismistifica aquele paradgima que só o professor é dono de todo conhecimento. Apesar das dificuldades (falta de recursos, colaboração etc.) nos mostra que é possível inovar e colher bons frutos, isso é um estímulo a nós professores das futuras geracões.

  17. os trabalhos de marise muito nos estimulam, nos incentivam, nos fazem refletir em nossa vida como futuros educandos. Não á conheço pessoalmente,mas, sem dúvida é uma pessoa admirável em seu percurso como educadora, orientadora, enfim, conhecer sua prática educativa.

  18. Não tive acesso antes a este site. Agora virtualmente através de alguns de seus trabalhos que muito nos encorajam, nos motivam, nos fazem pensar muito em nossa caminhada como educadores. Gostaria de conhecê-la pessoalmente e saber mais de seu percurso como educadora, orientadora, enfim, conhecer sua prática educativa. O incentivo nessa nossa busca pelo conhecimento é essencial para melhorarmos como pessoas e isso é que realmente faz a diferença no campo de trabalho e no campo pessoal da vida de cada um de nós. Parabéns pelos incentivos dados e pela dedicação em fazer seu trabalho como educadora.

  19. Inovar parece quase impossivel, quando a realidade de muitas escolas, mesmo com salas de informatica, ainda está aquém ( como não poderia deixar de mencionar a esfera pública, e os seus recursos destinados a educação).
    Como inovar se as mesmas têm como “semente” educandos funcionais, que só lêem para passar de ano ou pior, nem lêem?
    Projetos como o seu podem funcionar. Entretanto, depende muito do papel gradual e constante do educador à frente das salas dessas escolas.

  20. A iniciativa do projeto da professora Marise, é muito importante para o futuro da educação em nosso país, pois é de projetos como esse e de profissionais como ela, que precisamos para mudar o futuro dos nossos alunos, tendo em vista os inumeros problemas que envolvem o uso das tecnologias nas escolas, quando os alunos são privados de tal recurso gera um atraso na questão de aprendizagem. O papel dessa educadora é de conscientizar os profissionais da educação em promover novas mudanças. Parabéns professora Marise.

  21. Muito interessante a criação desse projeto pois o mesmo promete uma grande inovação do processo educacional estimulando os alunos a galgarem novos caminhos e ampliar os já adquiridos com a inclusão digital que os ajudarão também na troca de conhecimentos com outros alunos conectados em rede. e incentivar o próprios professores a buscar novos meios didáticos.

  22. É de extrema relevância a evolução, a vicissitude, que este projeto vem acalhar, edificando, transformando a vida educacional desses alunos, que muitas das vezes é totalmente esquecido devido fazerem parte de uma realidade diferente. Você está de parabéns Professora Marise Brandão. É desse estilo de profissional que o nosso Brasil está carente. A educação agradeçe, pois é o berço da civilização.

    1. Eu nao tenho muito a dizer se nao reconher a mama Marise Brandao pelo aquilo que voce merece esse projecto e tao Inportante para nos joens. Isso me faz sentir o Seclo XXI.Forca Mae…. “mae para todos”

  23. Em forma de uma aula em sala da minha graduação,tive a oportunidade de conhecer esse projeto,achei muito interessante!!Pude perceber que com projetos dessa categoria houve uma relação e interação de pessoas do nivel,de outros paises e etc…Mas com projetos dessa naturalidade poderiam existir mas ideias que levassem comunicação,interação e envolvimento de informação!!!porque na realidade projeto significa apontar ideias significativas a quem ira aplica-las!!porque na verdade é muito legal a frase que vc usou.”Eles vivem tecnologias e quem não vive sonha em viver”.Isso implica que vc agredita na capacidade que jovens e crianças tem em desenvolver e praticar informação e comunicação..

  24. Professora Marize, é gratificante para nós futuros educadores tormarmos ciência que existe um projeto dessa grandeza que insentiva alunos de escola pública a utilizar as tecnologias e desenvolvendo seus talentos. Realmente pricisa-se de alguém que acredite na capacidade de cada uma dessas crianças, que muitas vezes não tem oportunidade de obter o conhecimento que as TIC’s pode oferecer.
    Também concordamos que “cuspe e giz” já está ultrapassado e apoiamos o uso das TIC’s em sala de aula no processo de ensino apredizagem.

  25. Olá,

    Professora Marise Brandão.

    Em primeiro lugar adimiro sua coragem por ficar a frente de um dos problemas que temos no nosso pais, que é a educação este problema que depende de todos nós educadores para conseguirmos dá um basta na falta de conhecimento que nossos alunos não conseguem ter por motivos da própria população que não dá importância a educação.É de mera importãncia o conhecimento tecnológico, não dedicando somente a uma língua que é complexa por regras e normas.
    A educação deve ser sempre inovada, mas só depende de cada um de nós.
    ´´

  26. Acredito na força das TIC´s, assim como acredito que futuramente se nós como professores e futuros
    professores não nos adequarmos às novas tecnologias, provavelmente seremos taxados como atrasados
    e perdidos no tempo. O uso das Tecnologias da Informação e Comunicação estão cada vez mais essencias para o desenvolvimento de qualquer atividade de trabalho. Infelizmente existem escolas que possuem laboratórios de informática completíssimos, mas não utilizam.
    É preciso que haja maior conscientização, pricipalmente dos educadores, afim de estimular e aumentar o interesse para as TIC’s não só dos alunos como dos proprios educadores.

  27. A iniciativa do trabalho foi ousada, pois o envolvimento dos alunos no projeto foi marcante, pois a maioria dos alunos de escola publica nao tem acesso a computadores nem internet. Esse projeto foi uma novidade e tudo que e novidade chama muito a atençao , pois eles mesmos tiveram a oportunidade de se comunicar com crianças de outros paises como Portugal e França.E ouve um feed back tanto da parte dos alunos quanto da parte da professora.

  28. Professora Marise Brandão,

    Nos sentimos extramamente motivadas como acadêmicas do curso de Letras, em conhecer projetos que estimulem a educação. Sabemos o quanto é importante levar os educandos a produzirem trabalhos para um melhor desenvolvimento educacional. É um desafio que certamente estamos enfrentando, porém temos a certeza de que a curto ou longo prazo os resultados serão obtidos,principalmente se tratando de escola pública. Parabéns pela iniciativa.

  29. Professora Marise Brandão, lendo sobre o projeto podemos perceber o quanto é importante a postura diferenciada de um educador, não aquele que se prende a algo rotineiro,a leituras e pronto, e sim aquele que estimula o educando a algo novo,usa o dinamismo, busca o conhecimento de formas variadas. Sabemos que as vezes a realidade não permiti que possamos desenvolver projetos como esses, porém é possivel e preciso que cada um de nós futuros educadores façamos nossa parte.

  30. Como é bom ter pessoas como a professora Marise Brandão dentro da área da educação. Precisamos de professores assim, dispostos a ajudar na educação do Brasil. Realmente é fato a importância da tecnologia na sala de aula, e podemos comprovar isso a exemplo de Marise com seu glorioso projeto: “Houve uma grande mudança de comportamento por parte dos alunos, aumentando o interesse pelos estudos, o desenvolvimento de competências e habilidades, elevando a auto-estima de todos os envolvidos.” Então ,há trabalho mais eficiente do que esses, dentro da educação, que encontram méritos tão satisfatório? Não. Os alunos então que fizeram parte que o digam!

  31. Marise, parabéns pela ótima iniciativa de inclusão e de estimulo aos alunos na apremdizagem, que muitas vezes necessitam de projetos como esses para desenvolverem seus conhecimentos e habilidades de forma inovadora na educação globalizada.

  32. O projeto é bastante criativo e interessante, porque além de levar os alunos á interagirem com outros alunos de outras nacionalidades,incentivou para que os mesmos utilizem este aplicativo com o intuito de adquirir novos conhecimentos e novas formas de aprendizagem que ultrapassem as barreiras encontradas na sala de aula.

  33. O trabalho da Marise Brandão é de suma importância já que utiliza os recursos tecnólogicos na escola como meio de propiciar a busca pelo conhecimento.Este projeto promoveu a interação de estudandes de três países diferentes e dois continentes distintos por meio do msn(recurso que permite conversar on line no computador).
    Seus resultados foram extremamente satisfátorios já que fomentaram a busca pelo conhecimento por parte dos alunos e aliou a educação a um realidade trivial “A tecnologia”.

  34. Muito boa a iniciativa, pois, o ponto de vista da educação em relação aos tics está muito aquém do esperado;a educação vive um momento de dinamismo precisando assim acompanhar todas as tranformações ocorridas no sistemas,espero que mais educadores tenham essa mesma mentalidade e contribuam para termos uma educação inovadora, abraços…

  35. É bom saber que podemos ultrapassar os muros da escola.Projetos como o da professora Marize só nos mostra que podemos sim mudar a educação do nosso país.Acredito que se cada professor colocasse seus sonhos no papel muitas vidas serão transformadas e muitas crianças e jovens terão mais entusiasmo para irem à escola.Parabéns profº Marize.

  36. Senhora Marise Brandão, achei espetacular a sua iniciativa por fazer este projeto voltado para a educação e isto me inspira ainda mais a fazer algo que faça a diferença e torne o ambiente educacional mais agradável e atraente,tenho que estudar muito para chegar no seu nível,mas sei que com esforço e criatividade consigo chegar lá.Admiro sua maneira de se expressar,gostei do seu conceito sobre o que é ser um educador isto me levou a refletir a minha futura profissão e não quero ser apenas mais um educador no mercado de trabalho mais uma” investidora de potenciais”.
    Parabéns mesmo,você merece.

  37. Parabéns professora, pelo seu projeto maravilhoso. Esse projeto é uma verdadeira inclusão social, pois mudou vidas de alunos. Alunos que não acreditavam mas em seu potencial, pois conseguiu fazer com que os alunos conhecessem, interagissem etc.Se todos os educadores quebrassem com o velho paradigma da escola tradicional, deixando de ser somente transmissor de informações, a maioria dos nossos alunos já teriam uma nova visão de conhecimento. bjos

  38. Profª Marise, é muito interessante e estimulador conhecer um projeto tão inovador que oportuniza às crianças e adolescentes uma relação com as TIC’S que não se atém apenas ao entretenimento, mas que propicia uma aprendizagem significativa. É uma esperança para os educadores que pensam em dar oportunidade semelhante àqueles que não tiveram acesso às tecnologias _ pelo menos não com este caráter_ o passaporte a este universo de conhecimento, leituras e ludismo que as TIC’S podem oferecer.

  39. Parabéns pela iniciativa professora Marise, eu sou aluno do curso de Letras e sempre sonhei em ser professor, acho que nós devemos sempre nos mover para que o ensino saia deste estado de estagnação que você denominou muito bem de “cuspe e giz”, o ensino precisa decolar para um avanço.
    Só assim o ensino sairá da pequena dimensão de sala de aula e alcaçará o ambiente do aluno, inclusive sua família.

  40. Oii Marise!

    Achei super interessante a sua iniciativa, pois educar com as tic’s é o melhor caminho para realmente alcançar o objetivo maior que é fazer com que as crianças e jovens possam, cada vez mais, encontrar nas Tecnologias de Comunicação um verdadeiro aliado para o desenvolvimento de suas habilidades e competências. A valorização desses meios, sem dúvida, acordarão muitos professores para a realidade que os cercam, pois elas são as realidades de muitos alunos. Trazendo e usando as tecnologias para nosso lado, com certeza, facilitarão no processo ensino-aprendizado em sala de aula.

  41. Olá Marise você é uma excelente professora, pois conseguiu desenvolver um projeto inovador e que mereceu prêmio. Iniciativas como esta que educadores devem ter, para estimular o prazer em construir conhecimento. Parabéns!!!

  42. Marise é uma grande professora pois conseguiu atingir seu objetivo, elaborando um projeto onde venceu suas dificuldades. Soube se expor de maneira correta e utilizar as tic´s em sala de aula, onde trabalhou o desenvolvimento dos alunos de forma espontanea.
    Adoramos o modo significativo como trabalha em sala de aula,inovando cada vez mais e trazendo para os alunos as diversidades de recursos para se utilizar em sala de aula, favorecendo melhor o desempenho de cada um.
    Marise, concordamos plenamente com sua iniciativa, todos os professores deveriam usar esse recurso, pois só assim o conceito de sala de aula pode melhorar, e estimular os alunos a se interessarem mais por seus estudos.

  43. Realmente, esse trabalho é de grande importância para que os alunos de diversos lugares possam se comunicar, interagir, conhecer novas culturas, e outras realidades… E isso mostra que as Tics não podem ser vistas apenas como uma novidade, mas sim, como uma nacessidade, que se bem usada pode trazer grandes beneficios para nossa educação.

  44. Parabéns professora pelo seu trabalho, você nos deu um insentivo de desenvolver projetos e renovar nossas aulas utilizando recursos para chamar atenção dos adolescentes muito obrigada pelo seu trabalho.

    OBS:alunas do curso de letras português 5° periodo.

    BOA SORTE.

  45. Professora Marise, achamos louvável o seu empenho e dedicação na elaboração de um projeto que tinha tudo para dar errado, alunos sem conhecimento tecnológico, falta de apóio, entre outros. Mas, que até mesmo por este motivo, cremos que despertou em você mais dedicação ainda, pois você foi como o passarinho que em meio às chamas, sai levando no bico água de um lado para o outro na tentativa de apagar o fogo, fazendo assim, a sua parte. Quem dera que todos os professores fossem como você, um passarinho levantando vôo em direção ao conhecimento, não se importando o quanto a luta poderá ser áspera, mas sim crendo na vitória da educação pela educação.

  46. ola querida Marise
    só agora pude conhecer um pouco sobre voce e sobre seu maravilhoso projeto ,neste momento te parabenizo pela coragem , força de vontade de mudar ,enovar a maneira lecionar .Sinceramente voce é um grande exemplo de uma verdadeira educadora que nao mede as circunstancias para educar usando as tecnologias que sao tao presentes mas ainda nao utilizadas como forma de educar.te admiro muito

  47. Boa Noite Marise,
    Sou graduanda do curso de Letras-Inglês e moro em São Luis-MA; achei muito interessante sua iniciativa.
    Espero poder implantar sua ideias um dia em sala de aula, infelizmente o ensino tradicional ainda é muito presente nas escolas brasileiras; ainda é raro ver professores realmente comprometidos em desenvolver nos alunos a criatividade e potecializar suas habilidades.
    Vejo o dia-a-dia da escola na minha experiência atual como estagiária e quase não vejo o uso de alguma tecnologia para incrementar as aulas; mas é completamente louvável ver que pessoas como você estão realmente comprometidas com isso.
    O uso das TICs é muito importante mas ainda precisa de incentivo tanto das escolas, quanto do governo e principalmente do próprio professor que precisa se comprometer com essa causa.
    Um abraço e continue essa sua bela jornada.

  48. A professora Marise Brandão nos despertou para o uso inteligente e transformável das TIC’s em sala de aula e fora dela enquanto futuros professores. O objetivo foi claro e ousado: o de transformar a informação….Essa iniciativa me proporcionou particulamente a coinsciência de formentar nos alunos a capacidade de transformação e produção do conheçimento..
    Parabéns professora !!!
    Sorte

  49. Este artigo é digno de ser altamente divulgado no Brasil, onde a educação ainda é desempenhada de forma tradicional. A realidade mostra a carência de educadores encorajados e motivados a mudar a realidade educacional da forma brilhante como a professora Marise Brandão utilizou.
    Sabemos que as TICs já fazem parte da realidade dos nossos alunos e mais do que nunca deve fazer parte da realidade dos educadores, da escola e do Sistema educacional Nacional. Queremos parabenizar a professora pela iniciativa e inspiração para que nos tornemos educadores melhores e não meramente conformados com a realidade em que a educação se encontra.

    Edivam, Enaille e Fernanda.
    Acadêmicos de Letras-Inglês da Faculdade Atenas Maranhense (FAMA)
    São Luis-Ma

  50. É realmente de extrema importância e necessidade o uso das TICs nos dias de hoje, pois facilita a transmissão do ensinamento, atrai a atenção dos alunos e, de quebra, torna a aula muito mais interessante. Se todos os alunos puderem ter acesso às TICs, com certeza será um avanço na educação. É admirável esse trabalho.

  51. A professora Marise desempenha um trabalho maravilhoso que com certeza deve servir de inspiração aos educadores para que não se acomodem em meio aos entraves encontrados no ambiente educacional, esse exemplo deve motivá-los a buscar o seu diferencial na maneira de transmitir os conteúdos. Eu, como futura educadora adorei o trabalho inovador desta professora e buscarei traçar o meu próprio perfil baseado neste modelo.
    Parabéns professora Marise!

  52. É muito bom saber que existem pessoas realmente compromissadas com a verdadeira educação. Muito se fala em formação de alunos críticos, reflexivos, participativos, e infelizmente poucos são mediadores dessa educação transformadora.
    Parabéns pelo seu projeto, por sua ousadia,e por nos fazer acreditar que é possível sim os alunos participarem da construção do seu aprendizado e que o professor precisa ser um eterno pesquisador.

  53. Olá, somos alunas do Curso de Letras da Faculdade Atenas Maranhense-FAMA, estamos cursando o 4º período, e utilizamo-nos do presente para registrar nosso entendimento acerca da matéria supra. Conforme leitura realizada, pudemos verificar que há grandes possibilidades do professor da atualidade conseguir modificar a realidade tradicional das salas de aula. É valiosa a tentativa em mostrar aos alunos o quão capazes são em buscar conhecimento e desenvolvê-lo em seu dia a dia. Mesmo convivendo com realidades diversas, o professor precisa utilizar todos os meios possíveis para atrair o alunado para a busca do conhecimento. Se na atualidade nos deparamos dia a dia com alunos totalmente envolvidos com a tecnologia, seja através do popular ORKUT, ou dos famosos GAMES… é aí que surge a oportunidade em canalizar o conhecimento através do prazer, da satisfação e acima de tudo, tornar divertido “o aprender”.
    Assim, queremos parabenizar o seu projeto, que é promissor e atual!

  54. Boa Noite, Marise.
    Com todas as dificuldades que você enfrentou, e que quebrou os paradigmas envolvido em seu projeto, pois muitas pessoas nao acreditaram em você, fez com que os alunos apredessem na prática e desenvolveu as habilidades do mesmo.
    Você esta de Parabéns!

  55. Eu concordo extremamente com cada linha desta entrevista.
    Claro que implantar TICs numa escola não depende só da tecnologia em si, ou do desejo da escola, mas vem principalmente do professor e de sua boa vontade em como trabalhar com elas.
    É totalmente prazeroso ver como as TICs tem tido um aumento significativo nas escolas públicas do país e sendo tão bem recebida pela população/estudantes.
    É chegada a hora de inovarmos, aprendermos uns com os outros e vencer desafios.

  56. Maria do Carmo, um pouco mais sobre a Marise?
    Trabalhos realizados:

    • Fundadora da Plataforma de EAD
    http://www.webeducacional.com

    • Blogs educacionais

    http://marisebrandao.zip.net/
    http://cejmacedo.zip.net/
    http://turma202cejm.blogspot.com/
    http://turmapoderosa.blogspot.com/
    http://voandonahistoria.blogspot.com/
    http://reciclareumbarato.blogspot.com/
    http://voobpf.blogspot.com/ (Intercâmbio Cultural, Brasil,Portugal e França)
    http://cejmacedogov.com/

    • WEBQUEST
    http://www.webeducacional.kinghost.net/php_webquest/webquest/soporte_tabbed_w.php?id_actividad=6&id_pagina=1
    http://www.webeducacional.kinghost.net/php_webquest/webquest/soporte_tablon_w.php?id_actividad=4&id_pagina=1
    http://www.webeducacional.kinghost.net/php_webquest/webquest/soporte_derecha_w.php?id_actividad=5&id_pagina=1
    http://www.webeducacional.kinghost.net/php_webquest/webquest/soporte_tablon_w.php?id_actividad=8&id_pagina=1
    http://www.webeducacional.kinghost.net/php_webquest/webquest/soporte_tablon_w.php?id_actividad=11&id_pagina=1

    Sites

    http://aquecimentoglobal.webeducacional.kinghost.net/

    Prêmios recebidos:

    • Projeto Meio Ambiente _ MEC_UFRRJ
    Decanato de Ensino de Graduação_Coordenação de Mídias na Educação
    • 2º Lugar no Concurso de Aulas Virtuais _MOODLE MOOT PERÚ
    Comunidade MOODLE PERÚ 2007
    F.A.T.L.A_
    Universidad Nacional de Trujillo
    BLOGANDO COM O SABER FORMA GOSTOSA DE APRENDER

    • Educador Inovador Microsoft Brasil 2008
    1º lugar na categoria Educador Inovador
    http://www.educadoresinovadores.com.br/

    • I Fórum Latino-Americano de Educadores Inovadores
    1º lugar na categoria Colaboração
    http://www.microsoft.com/brasil/educacao/parceiro/forum_latino_americano.mspx
    http://www.telecentros.desenvolvimento.gov.br/sitio/destaques/destaque.php?sq_conteudo=3294

    • 4th Annual Worldwide Innovative Teachers Forum
    3º Lugar Categoria Comunidade
    http://educadoresinovadores.spaces.live.com/?_c11_BlogPart_BlogPart=blogview&_c=BlogPart&partqs=amonth=11&ayear=2008

    Participação em Congressos:

    Moodle MOOT PERÚ ano 2006
    Moodle MOOT PERÚ ano 2007
    Challenges 2009_ Apresentação e participação_ Universidade do Minho Braga _Portugal
    NECC 2009_ Apresentação e participação_ Washington DC
    NTERJ08_ Convidada Conferencista_ Resende 2009
    NTERJ07_ Encontro_ Convidada Conferencista _Volta Redonda 2009
    NTERJ_ Encontro_ Convidada Conferencista _ Itaperuna 2009

    Todos estas experiências foram muito gratificantes,mas esta aqui, o Brasil participando de um momento tão importante para os USA.
    Fui a única brasileira a fazer parte, imagina a responsabilidade.
    ISTE 2009_ Participação na elaboração do Plano de Ação do uso das TICs na Educação, que foi Implantada nos USA o início de 2010.
    http://partnersinlearningnetwork.com/Pages/ArticleViewer.aspx?listname=ITNFeaturedArticle&itemid=1

    Acho que falei tudo.
    bjs

  57. Oi, Marise!
    Aguardo o envio dos links sobre sua vida. Será um prazer saber mais sobre você.
    Bjs,
    Maria do Carmo

  58. Maria Dalva, Maria do Carmo, desenvolver o projeto “juntos a copa” com vocês foi muito gratificante.
    Palmas para todas nós, isto sim.
    A Microsoft está fazendo um pequeno histórico sobre a minha vida, em breve mando os links para vocês.
    Beijos e obrigada pelo comentário carinhoso das duas.

  59. Não conheço Marise pessoalmente, só mesmo virtualmente através de alguns de seus trabalhos que muito nos encorajam, nos motivam, nos fazem pensar muito em nossa caminhada como educadores. Gostaria de conhecê-la pessoalmente e saber mais de seu percurso como educadora, orientadora, enfim, conhecer sua prática educativa. Palmas para vc Marise e continue com este pique, com esta beleza em seu coração, em prol da educação. Parabéns por tudo que vc tem realizado.

  60. Tive o prazer de conhecer o trabalho cooperativo realizado pela professora Marise,mesmo à distância.
    Parabéns!

  61. Olá Natália, a conotação “cuspe e giz” não foi depreciativo e sim uma colocação a respeito de recursos para ajudar nosso aluno a construir o seu conhecimento.
    Eu não podia continuar na comodidade deste tipo de aula, tive que me arriscar, que mudar.
    Foi dificil, mas não poderia negar esta oportunidade para meus alunos.
    Sabemos que construção do conhecimento não depende das TICs e sim do usos que nosso aluno faça das mesma.
    Para isto entra nossa intervenção enquanto educadores, então este “Dialogo e presença fisica é sim importante, tanto da parte da criança quanto da parte do educando” não tem como não acontecer.
    Não vejo as TICs como mais um “estímulo”.
    Não sei se a pedagoga já leu os livros da “Professora Léa Fagundes”, seria muito bom, eu mesma estou sempre estudando, sou uma eterna aprendiz.

    Com o uso das novas tecnologias digitais, a atividade humana muda. E muda numa velocidade nunca antes imaginada pelo homem. Na verdade é uma mudança de cultura que está constituindo a sociedade conectada, a sociedade do conhecimento. A quantidade de megabytes de informação produzidos só nos últimos dois anos supera a quantidade de informação produzida em toda nossa história.

    Já as “formas de aprender” são desconhecidas pela maioria dos educadores por falta de estudos sobre ciência cognitiva e conhecimentos sobre as relações mente, cérebro e sentimentos. Mas, em nossos estudos ao longo dos últimos 20 anos no LEC, com o uso das tecnologias temos conseguido conhecer melhor as “formas de aprender”, isto é, as formas como a inteligência humana naturalmente constrói o conhecimento. Só as estudando podemos ir acompanhando os efeitos do uso dessas tecnologias e, sobretudo da Internet. No entanto não podemos afirmar que sejam “novas formas”, porque pode ser o enriquecimento das possibilidades e um desenvolvimento efetivo que as formas naturais de aprender apresentam, mas que não são consideradas pelo tratamento do ensino tradicional.
    Na cultura da sociedade conectada a aprendizagem se dá no contexto de vida e o cidadão precisa ser um aprendiz permanente. A formação é continuada. Não existe mais “conclusão” e formatura. O papel do professor que detém a autoridade do saber e decide o que, como e quando o aluno deve aprender está superado. O professor precisa ser também um aprendiz, com todas as incertezas, um formulador de dúvidas tal como seus alunos, um parceiro. Suas novas funções, no entanto, são exigentes: ele precisa tornar-se o orientador confiável, um negociador nas buscas, na problematização e testagens das informações disponíves nas fontes da rede mundial e, sobretudo, nas buscas de novas respostas. As novas relações necessitam se constituir em respeito mútuo, considerações de reciprocidade que garantam a cooperação e a solidariedade na escolha dos conteúdos a estudar, e nas tomadas de decisões sobre como estudá-los para também produzir novas informações.
    Léa Fagundes.
    Temos também:Professor Eduardo Chaves http://www.microsoft.com/brasil/educacao/parceiro/novo_paradi.mspx
    Professor Moran: http://moran10.blogspot.com/2009/06/por-que-as-mudancas-sao-tao-lentas-na.html
    http://www.eca.usp.br/prof/moran/bases.htm http://smeira.blog.terra.com.br/2010/03/24/d-pra-definir-inovao
    http://moran10.blogspot.com/search/label/novas tecnologias
    Beth Almeida
    http://cecemca.rc.unesp.br/cecemca/EaD/artigos/atigo Beth Almeida RIBIE.pdf
    Professor Fernando Almeida
    http://www.youtube.com/watch?v=xxZdXi5YRbo
    Me perdoe se passei esta visão para a pedagoga, não me sinto superior a ninguém, de forma alguma estou aqui para falar que este método é bom ou ruim, cada educador usa a metodologia que achar que deve.
    Mas…. como a senhora foi muito sincera comigo…. guspe e giz e usar as TICs como estímulos é um pouco ultrapassada, a senhora não acha?
    E se calhar, ser humilde para perceber que temos que mudar, seria bom para todos.
    Competências do Século XXI
    http://portal.unesco.org/education/en/ev.php-URL_ID=19398&URL_DO=DO_TOPIC&URL_SECTION=201.html
    http://www.unesco.org/pt/brasilia/single-view/news/padroes_de_competencia_em_tic_para_professores/back/19212/cHash/d3383391df/
    http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/blegais.pdf
    http://escola2000.net/aprendizagem/ec-curriculo.htm
    Obrigada por seu comentário e tenha a certeza que estou muito feliz de podermos interagir.
    Se tiver um tempo, leia estes textos, isto é,se a faculdade em que a senhora estuda já não os pontuou para reflexão.
    Bjs

  62. Eu gostaria de entender se a conotação “cuspe e giz ” foi algo depreciativo, o que infelizmente me pareceu.
    Acredito, sim, na potencialidade das TICs e como futura pedagoga formada espero aderir aos diversos meios de estimulo de crianças, jovens e adultos para o estudo. Porém, vejo como falta de respeito e maturidade, exergar no que temos hoje algo ultrapassado e descartavel.
    Dialogo e presença fisica é sim importante, tanto da parte da criança quanto da parte do educando.
    Mais humildade viria a calhar, é do equilibrio que tiramos os melhores resultados e não das radicalizações.
    De qualquer modo, desejo parabens pela iniciativa

  63. Lendo a matéria e os cometários, vejo que a professora fala com muita propriedade, sabe fazer e realiza.
    Fator importante nos dias de hoje.
    Sempre me deparo com os grandes pensadores, hoje me deparei com uma grande realizadora.
    Boa esta entrevista.

  64. Giany, tudo que sou devo ao meu NTE. Então amiga, tenho muito a agradecer a vocês, que sempre acreditaram em meu trabalho e me apoiaram o tempo todo.
    Saulo, todos somos capazes! Não podemos ter medo de correr o risco, se não der certo, paramos e recomeçamos. Não é mesmo?
    Marcos, este sentimento de remar sozinho é muito frequente neste processo de mudança em que anda a educação.
    Nós OTs, sofremos muito neste processo, sofremos mesmo!!!
    Sabemos que é possível, sabemos o caminho, mas ninguém nos escuta, muitas vezes nos olham como técnicos ou mesmo como digitadores, nunca como educacionais.
    Quem “inventou” os OTs sabia da necessidade de ter professores especializados em Tecnologia Educacional, mas infelizmente poucos sabem nossa real função.
    Carlos Ribas, ganhar o prêmio no Peru, foi uma experiência maravilhosa, disputei com equipes das faculdades da Espanha, Chile, Peru entre outros países de lingua espanhola.
    Obrigada pelo cometário.
    Fernanda, você é uma OT com grande potencial, além de ser uma pessoa maravilhosa, receber este comentário seu é muito gratificante.
    O termo embaixadores da Microsoft, foi um termo carinhoso que todos os Educadores Inovadores recebemos da Adriana.
    Beijos no coração de todos.

  65. Marise é uma professora responsável, consciente e comprometida com seu trabalho.
    Além disso é uma simpatia. É uma pessoa que acredita na capacidade do outro, acredita que a Educação pode ser transformadora, envolvente, cativante, apesar das dificuldades.
    Parabéns Marise pela entrevista.

  66. É notável o desempenho desta educadora.
    No primeiro momento que ouvi falar nesta educadora fiquei impressionado, pois havia que acabava de receber o prêmio de elaboração de cursos no ambiente moodle no Peru. Cabe resaltar que era o único curso na lingua portuguesa.
    Deste então, venho recebendo notícias de seu desbravamente e conquistas em diferentes módulos da utilização das novas TIC em ambientes de ensino.
    Me apetece dizer que aqui em Lisboa, a professora já tem seus trabalhos sendo referência para muitos educadores e seu portal facilitando nossas aulas de criação de webquests.
    Parabenizo este portal pela matéria e a educadora pelo desempenho.

  67. Parabéns Profa. Marise. Também atuo como Orientador Tecnológico no Estado do Rio de Janeiro, C.E. Professor Clóvis Monteiro – Capital, e sei como é importante prepararmos nossos colegas Professores(as) para esse constante novo desafio que é lidar com as TIC´s e os seus usos na Educação. Muitas vezes nos sentimos remando sozinhos porém convictos de que estamos no caminho certo para a construção de uma escola pública de qualidade.

  68. Gostaria de dar os parabéns à educadora Marise Brandão. É muito bom saber que práticas como a dela vem crescendo em nossa rede pública de ensino. A inclusão das TICs nas escolas e nas salas de aulas dependem, muitas vezes, do esforço pessoal de cada educador de se atualizar, vencer desafios, inovar e aprender junto com os educandos.

  69. O trabalho da professora Marise já é reconhecido em vários países.
    Tive o prazer de assistir uma de suas palestra, a professora esplana de maneira muito simples a utilização da tecnologia na educação.
    Nos fez crer que é possivel e que todos somos capazes.
    Parabéns pela matéria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *