Fala Jovem

Desigualdade, violência, paz, consumo e política. Com o objetivo de dar vez e voz às crianças e jovens, a revistapontocom inaugura mais um espaço neste sentido: o Fala Jovem. Neste espaço, vamos publicar textos escritos por crianças e jovens sobre diversos assuntos. A ideia é promover a ‘fala’ destes cidadãos e ao mesmo tempo possibilitar que os adultos conheçam e ouçam suas histórias, sentimentos, comentários, avaliações sobre temas do nosso cotidiano. O texto de hoje é da jovem Stephanie Orosz, de 14 anos. Em pauta: o país da copa do mundo, às vésperas das eleições.



Realidade e fantasia, Brasil: o país das maravilhas?

E se hoje fosse amanhã e se o amanhã fosse ontem?
E se o lobisomem virar homem? E se os contos ganharem vida?
E se Dilma não tivesse comprado uma Refinaria em Pasadena?

O amanhã será ontem quando o ontem for o anteontem, o homem virará lobisomem quando a lua estiver cheia e, com uma varinha de condão, a Cinderela irá perder o sapatinho na manifestação. No sinsalabim, a copa surgirá e com a indignação do povo desaparecerá! O Brasil se tornará campeão quando no país acabar a corrupção.

Todos vão cantar lá lá lá lá na hora da roupa suja lavar, e abra-te sésamo gritarão para o gigante abrir a avenida no meio da manifestação.Dessa vez, a Bela Adormecida desmaiará em cima do Congresso Nacional, e, em plena madrugada, será presa no flagra.

A Globo transmitirá ao vivo todo o desenrolar da manifestação, mas a repórter irritadinha ficará em casa vendo apenas pela televisão, reclamando com o marido dos colegas de profissão. Por uma coincidência inusitada seu gato se irritará de tanto dramalhão, roubará suas botas de Milão e irá se juntar à manifestação.

No mexe e remexe da manifestação se misturarão contos reais e da imaginação.
E o futuro? Será decidido na próxima eleição?