A Educação Infantil no Mercosul

O Ministério da Educação e a Unesco lançaram no final de 2013 a publicação: A Educação Infantil nos países do Mercosul. A obra é resultado de uma pesquisa realizada entre 2012 e 2013, que teve o objetivo de analisar – comparativamente – os dispositivos legais que determinam e balizam as políticas públicas de educação infantil no conjunto dos países-membros do Mercosul, possibilitando, assim, a criação de mais uma via de acesso à integração regional e de intercâmbio das construções teóricas, dos avanços nas leis, das políticas e das práticas que vêm se efetivando em cada país.

Clique aqui e acesse o doc

Nesse sentido, o desenvolvimento da pesquisa promoveu o diálogo e o intercâmbio de experiências dos representantes dos Ministérios da Educação dos países participantes, bem como a discussão de temas que conduzem ao conhecimento mútuo dos respectivos sistemas de ensino.

Com isso, objetiva-se a busca de uma terminologia comum ou mais próxima, respeitadas as especificidades culturais e linguísticas, e a progressiva comparabilidade das estruturas da educação na primeira infância, potencializando-se o enfrentamento dos desafios inerentes à universalização da pré-escola e à atenção dada às crianças de 0 a 5 anos.

A obra traz os seguintes tópicos:

1 – Origem histórica da concepção e da prática da educação infantil nos países do Mercosul
2 – O papel da legislação na promoção da educação infantil: poder e limites
3 – Argumentos sobre a relevância da educação infantil
4 – Concepções de criança, infância, desenvolvimento e educação infantil presentes ou subjacentes nas formulações legais,nas políticas e no currículo
5 – Objetivos da educação infantil nos cinco países
6 – Estrutura da educação infantil, transições, espaços e materiais, atenção à diversidade
7 – Currículo, proposta pedagógica, projeto político-pedagógico
8 – Os profissionais da educação infantil
9 – Fontes dos recursos financeiros para a educação infantil
10 – Avaliação na e da educação infantil
11 – Pontos comuns na educação infantil dos países do Mercosul