(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Concurso incentiva a criação de brinquedo e de personagens nacionais

seja o primeiro a comentar
Publicado em Matérias
23maio

Promover e premiar a atividade criativa de brinquedos que possam ser produzidos pela indústria nacional é o objetivo do Concurso de Criação de Brinquedo Revista Espaço Brinquedo, que chega à sua quinta edição consecutiva. A proposta vem aproximando, cada vez mais, os estudantes, as universidades, as indústrias e o mercado.

Voltada para maiores de 18 anos – profissionais ou estudantes –, a seleção vem mostrando que ainda há espaço para criação de produtos que não fazem uso de tecnologias. Afinal, o edital procura incentivar exatamente a diversidade. Há cinco categorias: brinquedos livres, eletrônicos, artesanais, jogos e destinados para crianças portadoras de necessidades especiais.

De acordo com os organizadores do concurso, a seleção cria uma rede a favor da produção nacional de brinquedos, conciliando todos os setores envolvidos e outros que até então não viam espaço nesta área, como as universidades. As indústrias brasileiras de brinquedo são de pequeno porte e grande parte delas não possui um departamento de criação. Geralmente, elas terceirizam a atividade, embora necessitem ininterruptamente de novidades.

A exemplo dos anos anteriores, o vencedor do primeiro lugar ganha uma viagem para Nuremberg (Alemanha) para participar da maior feira de brinquedo do mundo, a Toy Fair, em 2010.  Os interessados têm até o dia 18 de agosto para confirmar a participação no concurso. Acesse o edital.

Criação de personagens

 A Revista Licensing Brasil, da editora Espaço, Palavra Editora e Arte, também está com inscrições abertas para o 2º Concurso de criação de personagens. Os interessados têm até o dia 31 de julho. Acesse o edital.

Rocambole e Leo foram os dois trabalhos vencedores do 1º Concurso de Criação de Personagens. A seleção recebeu 190 inscrições. Os inscritos tiveram que criar um personagem que atendesse aos seguintes critérios: empatia, criatividade, maturidade e sofisticação da técnica, adequação da proposta junto ao público-alvo, conceito e facilidade de aplicação em diferentes plataformas.

Entre os 25 finalistas, foram escolhidos dois vencedores, um para cada categoria (profissional e estudante). O estudante Rodrigo Bastos Didier recebeu um prêmio de R$ 2.000,00, pela criação do personagem Leo, e o profissional Michel Mendes levou R$ 3.000,00, com o Rocambole.

Conheça os personagens:

 

rocambole

1ºLugar – Profissional
Rocambole é um cachorro dengoso e com cara de bolo, muito querido por seu dono, que é um doce de menino. Alegre e agitado, Rocambole é, naturalmente, enrolado e só se mete em confusão. Quando recebe um carinho, abana o rabo, roda pra todo lado e gira que nem pião. Muito guloso, não gosta de roer osso. Prefere comer biscoito vendo televisão. Se alguém lhe joga um chocolate, ele fica no maior alvoroço. Pula, dá o bote, estica o pescoço, mas não deixa cair no chão. Rocambole une duas paixões: cachorros muito amigos e comidas gostosas. Público-alvo: 2 a 6 anos
untitled
1º Lugar – Estudante
Leo foi criado para ensinar as crianças sobre os mestres da pintura e seus respectivos movimentos artísticos. Ele é um garoto de 14 anos que vive em um mundo muito diferente do nosso, onde não existe noção de tempo. Sua vida é viajar pelos diferentes movimentos artísticos. Leo mora em um casarão repleto de quadros de todos os pintores do mundo que servem como portais para suas aventuras.
O menino é pintor e desenhista. Sua mão esquerda leva um pincel mágico, cuja tinta é inesgotável, e em seu braço direito carrega um lápis. De acordo com a viagem, sua fisionomia muda, adaptando-se ao contexto. Leonardo da Vinci, Van Gogh, Pablo Picasso, Salvador Dali e muitos outros artistas passam pela vida do personagem. Leo ensina e estimula o interesse das crianças pela pintura desde cedo. Público-alvo: 8 a 12 anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.