(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Elas (as crianças) no poder

seja o primeiro a comentar
22out

Cerca de 300 crianças participaram, no dia 22 de outubro, da 8ª edição do Câmara Mirim, promovido pelo portal Plenarinho. Eles discutiram e votaram três projetos de lei selecionados entre as mais de 414 propostas inscritas neste ano, todas elaboradas por estudantes de 7 a 14 anos. Os três vencedores são os estudantes Maila Gabriela Miranda dos Santos, Eduardo Presswell Sandoval e Ana Clara Paim Silva.

Meio ambiente
Classificada em primeiro lugar, Maila Gabriela é aluna do 9º ano do Centro Integrado de Ensino Cremilda Oliveira Viana, escola pública da cidade mato-grossense de Primavera do Leste. Ela apresentou projeto relacionado ao meio ambiente. Pela proposta, o governo federal deverá ser responsável pela arborização das casas do programa Minha Casa, Minha Vida. “Esse projeto de arborização visa melhorias na qualidade de vida dos futuros moradores, por contribuir para amenizar os efeitos das altas temperaturas, além de deixar o ambiente mais bonito e agradável”, justificou Maila.

Cinema
Eduardo e Ana Clara obtiveram o segundo e terceiro lugares, respectivamente. Os dois alunos mineiros, da cidade de Belo Horizonte, estudam no Colégio Bernoulli, o mesmo de Gabriel Garcia Gomes Salles Teixeira, vencedor do Câmara Mirim 2012. Eduardo elaborou um projeto que obriga os cinemas de todo o País a dedicar uma tarde por mês à exibição de filmes para crianças carentes, previamente cadastradas. Uma parceria com o governo garantirá a distribuição de ingressos para a sessão, além do fornecimento de transporte e acompanhamento de servidores das secretarias de Educação.

Saúde
Já o projeto de Ana Clara prevê que os produtores de alimentos passem a informar no rótulo a quantidade de açúcar existente nos produtos. Ana Clara argumentou, em sua justificativa, que “essa é uma tentativa de avisar para a população o quanto há de açúcar nos alimentos, para que ela perceba que alguns não devem ser ingeridos em grandes quantidades, sob risco de causarem problemas sérios de saúde.”

Deputados mirins
O Câmara Mirim é um programa educativo promovido pelo portal infantil Plenarinho que simula uma sessão ordinária da Câmara dos Deputados. No dia do evento, alunos do ensino fundamental fazem o papel de deputados mirins e apresentam, debatem e votam três projetos de lei selecionados.

Padrinhos
As propostas dos deputados mirins poderão ser apadrinhadas por deputados e virarem projetos de lei de verdade. Em 2007, o então deputado Paulo Henrique Lustosa adotou um projeto apresentado no Câmara Mirim que proíbe o uso de pau-de-arara como transporte escolar. A proposta (PL 2561/07) tramita em conjunto com o PL 2397/07, que trata do mesmo assunto, e já foi aprovada pelas comissões técnicas da Casa. A matéria aguarda votação pelo Plenário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.