(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Fique por dentro

1 comentário
14ago

Por Marcus Tavares
Editor da revistapontocom

De que forma a revistapontocom pode contribuir com o debate sobre educação, às vésperas de novas eleições municipais em todo o país? Embora a revistapontocom esteja voltada para a discussão mais específica de midiaeducação, me fazia esta pergunta. Há cerca de um mês, eu e Silvana Gontijo, presidente do planetapontocom, resolvemos lançar a campanha Educação: o que eu quero para a minha cidade? A ideia é dar voz e vez aos brasileiros se pronunciarem sobre o que pensam e o que desejam para o dia a dia de suas cidades, com foco na educação. Não apenas na educação dita formal, conduzida pelas secretarias municipais de educação, mas na educação no seu contexto mais amplo, que envolve todos os setores e cidadãos. A proposta é colocar a educação na pauta do dia de nossos leitores e de tantos outros que conseguirmos alcançar, instigando a reflexão e a consciência do poder do voto, do cidadão.

Resolvemos também promover uma série de entrevistas sobre política e educação com professores, pesquisadores, especialistas, estudantes, pais e, é claro, candidatos à prefeitura. Por estarmos sediados na cidade do Rio de Janeiro, optamos por discutir a realidade específica do município do Rio de Janeiro, mas com a intenção de que nossa ação seja replicada em tantas outras cidades do país.

A partir desta semana, vamos iniciar a publicação do material. Na lista dos entrevistados, estão: Ana Maria Monteiro, diretora da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Janaína Menezes, diretora da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio), Jorge Najjar, diretor da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense (UFF) e Rosana Glat, diretora da Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Vamos ouvir também os candidatos à Prefeitura do Rio, bem como as ex-secretárias de educação do município do Rio de Janeiro, como Carmem Moura, Mariléa da Cruz, Regina de Assis e Terezinha Saraiva.

Queremos também publicar as opiniões do educador Flexa Ribeiro, da Academia Brasileira de Educação (ABE); de Lia Faria, ex-secretária de Educação do Estado do Rio; de Suzana Gutierrez, diretora do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ (Sepe); de Victor Nótrica, presidente do Sindicato dos Estabelecimentos de Educação Básica do Município do Rio de Janeiro; de Wanderley Quêdo, presidente do Sindicato dos Professores do Município do Rio de Janeiro e Região (Sinpro); e de José Adilson Priori, da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime-Rio).

Professores da rede municipal de ensino do Rio, bem como funcionários, estudantes e suas famílias, também ganharão espaço na revistapontocom. Gostaríamos ouvir as opiniões, as sugestões e os apelos de quem convive diretamente com as mais de mil escolas.

Você, caro leitor, poderá acompanhar cada entrevista, opinar e comentar. Poderá também sugerir outros nomes de entrevistados, bem como perguntas direcionadas a cada um deles. Sua contribuição é muito valiosa para a revistapontocom. Escreva para nós. Esperamos que o material o ajude a refletir sobre a educação de sua cidade. Uma responsabilidade de todos nós.

Junte-se à revistapontocom nesta campanha. Participe.
Curta a nossa página no Facebook e compartilhe esta ideia.

Um comentário sobre... “Fique por dentro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.