(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Os jovens pais

1 comentário
26set

Mais de 80% dos jovens iniciaram a vida sexual até os 17 anos. Pesquisa foi feita com três mil pessoas e divulgada nesta quarta (dia 26), Dia Mundial da Prevenção da Gravidez na Adolescência.  Para refletir sobre a data a revistapontocom traz, abaixo, o documentário Meninas (2006), de Sandra Werneck, um retrato sobre quatro casos e os acompanha, da gravidez ao parto. São quatro moradoras de áreas populares do Rio: Evelin (13 anos), Edilene (14), Luana e Joice (15). Há também dois vídeos sobre a relação dos meninos com a paternidade.

Confira:


– Meninas, de Sandra Werneck


– Com a voz o jovem pai!, produzido pelo Instituto Papai (parte 1)


– Com a voz o jovem pai!, produzido pelo Instituto Papai (parte 2)


Você saiba? –
Dados divulgados este ano pelo IBGE mostram que o número de adolescentes grávidas no país aumentou. A taxa subiu de 6.9% para 7,6%. É verdade que na última década, houve uma diminuição considerável no crescimento, mas os números ainda são preocupantes. O problema não é só brasileiro. Trata-se de uma realidade mundial e que também atinge os países ricos. Segundo estudo divulgado nos Estados Unidos pelo National Center for Chronic Disease Prevention and Health Promotion, a taxa é alta.

– Dinamarca (6 em cada 1.000 adolescentes)
– Suécia (6 em cada 1.000 adolescentes)
– Itália (7 em cada 1.000)
– Noruega (9 em cada 1.000)
– Alemanha (14 em cada 1.000)
– Canadá (14 em cada 1.000)
– França (14 em cada 1.000)
– Israel (14 em cada 1.000)
– Irlanda (17 em cada 1.000)
– Reino Unido (27 em cada 1.000)
– Estados Unidos (39 em cada 1.000)
– Romênia (39 em cada 1.000)
– Bulgária (43 em cada 1.000 adolescentes)

Um comentário sobre... “Os jovens pais

  1. Muito bom! é uma pena meninas tão novinhas e despreparadas. Nenhuma grávida de alguém que preste. Um era do tráfico, outro tem 2 mulheres gravidas ao mesmo tempo. Pior que tem muitas que ve isso e não aprendem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.