(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Laboratório de Cultura Digital

seja o primeiro a comentar
31out

Do Lab
labculturadigital.org

Com o objetivo de democratizar o acesso às tecnologias digitais e fomentar a cultura de rede foi lançado, nesta terça-feira, dia 29, no setor de Ciências Sociais Aplicadas da Universidade Federal do Paraná (UFPR), o Laboratório de Cultura Digital (Lab). O projeto visa mapear iniciativas culturais, inserir novos agentes e difundir a lógica de redes por meio da cultura digital. O evento foi realizado durante o Encontro Latinoamericano de Cultura Digital, que aconteceu em Curitiba.

“O projeto não é nenhuma novidade, apesar de o processo que queremos articular ser tão inovador”, disse João Paulo Mehl, coordenador de Cultura Digital do Lab e integrante do Coletivo Soylocoporti, referindo-se à trajetória dos Pontos de Cultura pelo Programa Cultura Viva, do Ministério da Cultura, e dos ativistas de mídia livre nos últimos anos. A proposta é aprofundar os laços dessa rede que vem trazendo à tona a diversidade cultural do nosso país.

Núria Pons, coordenadora do Lab e vice-diretora do Setor de Educação da UFPR, saudou a todos pelo esforço de estarem presentes. “É preciso mapear as iniciativas culturais e levar o projeto para além da universidade”, destacou.

“Não aceitamos ser pasteurizados, padronizados, colonizados. Queremos romper os muros da universidade, do capital, o muro que impede que nossa diversidade cultural esteja na tela da televisão e nas ondas de rádio”, defendeu Mehl. Ele também ressaltou a importância da democratização da informação no Brasil, assim como foi feito na Argentina com a Lei de Meios.

Em linhas gerais o projeto tem a meta de formular e desenvolver de forma colaborativa tecnologias digitais livres. Com foco em Pontos de Cultura, agentes, organizações e redes culturais, o Lab vai disponibilizar sítios, sistemas de gestão do conhecimento, mapas culturais, ferramentas de democracia digital e de mobilização online.

Fará parte também das ações do Lab a realização dos Ciclos de Cultura Digital. Ambientes de intercâmbio de conhecimentos e de capacitação dos fazedores culturais, os Ciclos acontecem nas cinco regiões do país. A partir de oficinas, as ferramentas são experimentadas e podem ser aperfeiçoadas colaborativamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.