revistapontocom pergunta: sexo adolescente atrapalha estudo?

Levantamento divulgado pela American Sociological Association afirma que adolescentes que têm vida sexual ativa não necessariamente vão mal nos estudos, como acreditam muitos pais e professores. A questão não é praticar ou não sexo, mas o tipo de relação sexual.

Em relacionamentos sérios, os jovens podem encontrar apoio social e emocional, o que diminui a sua ansiedade e o estresse na vida e na escola, contribuindo assim para o seu bom rendimento. “Isto deve dar algum conforto aos pais que podem estar preocupados com o fato de seu filho ou filha adolescente estar namorando”, disse Peggy Giordano sociólogo da Bowling Green State University. “Sexo adolescente não atrapalha a trajetória educacional”, completou Peggy.

E você, leitor, qual a sua opinião?