(21) 2220-3300
New here? Register. ×

Vez e voz para os estudantes

seja o primeiro a comentar
10mar

Por Marcus Tavares

Há três semanas, o jornal O Dia, em todas as segundas-feiras, dedica o espaço Conexão Leitor para ouvir as opiniões e as reclamações dos estudantes do Estado do Rio de Janeiro. A iniciativa é inédita entre os jornais cariocas. Trata-se de um projeto bem simples, mas que traz consigo um significado especial: o respeito ao jovem. “O jornal quer dar voz aos estudantes. Ouvir suas opiniões, saber suas demandas. O jovem é um cidadão. Pode e deve se manifestar. O Dia abriu um canal para isso”, explica o jornalista Eduardo Pierre, idealizador e coordenador do projeto.

A iniciativa, que tem tudo para dar certo, pode ser vista, inclusive, como um presente em celebração aos 25 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança. Promulgada em 1989, a convenção, ratificada pelo Brasil, estabelece o direito de crianças — e, por conseguinte, dos jovens — a uma mídia de qualidade e o direito de ter espaços na grande mídia para opinar, divulgar o que pensam.

Veja a produção dos estudantes
1ª semana
2ª semana
3ª semana

Tive a oportunidade de acompanhar o fechamento da primeira edição do Conexão Leitor dos estudantes. Oito jovens de diferentes bairros e contextos do Rio de Janeiro conheceram a redação do Dia, trocam ideias com os repórteres e conheceram o processo de produção da notícia. Com Eduardo Pierre, editaram a página, com suas opiniões e avaliações. Um prato cheio para professores e pesquisadores. Afinal, o que chama a atenção dessa garotada? O que incomoda? O que pensam sobre a cidade em que vivem?

A edição foi um bonito processo de respeito sem nenhum tipo de censura às ideias dos estudantes. Na hora em que a edição da página ficou pronta, o pequeno grupo de estudantes, ali no meio do fechamento de mais uma edição do jornal, comemorou o feito com uma prova nas mãos e uma salva de palmas, que logo ecoou por toda a redação. Para aqueles jovens, uma cena inesquecível.

Segundo Pierre, qualquer estudante pode participar. Basta enviar um e-mail para o jornalista (pierre@odia.com.br) com seu comentário, crítica, opinião e ou reclamação. É preciso encaminhar o nome completo, idade, bairro e contato. As notas deverão conter, no máximo, 350 caracteres.

Para a estudante Jéssica Constantino, autora da foto publicada na edição da segunda-feira, dia 10, o projeto de ouvir os jovens revela a preocupação do jornal em estabelecer um diálogo com o leitor do futuro, muitas vezes deixado de lado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.